domingo, 13 de julho de 2008

FAMILY ISSUES

Cheguei à conclusão de que nós, seres racionais, criamos tabus (ai, que palavra jeca essa!) desnecessários.
Qual família não tem aqueles assuntos "proibidos"? Indesejados? Nunca falados?
E que um belo dia, alguém resolve tocar num desses assuntos, com a maior naturalidade do mundo, como se tivesse pedindo pra passar o arroz, no meio do almoço.
E o outro, no caso o que está sendo questionado, começa a discorrer sobre o tema numa boa, com a maior boa vontade e mais, com a maior vontade mesmo de falar. Quase aliviado. A sensação que passa é de que algo foi desentupido, ou que tiraram a tampa. Tipo assim, libertaram o gênio da lâmpada!!

E assim surgem revelações, muitas vezes esclarecedoras.

Viva a comunicação!!

4 comentários:

Carolina disse...

Incrível! Como toda a família tem algo de Adams, né? Nuvens de mistérios, -olhares e sil~encios falantes, gavetas fechadas, portas entreabertas... Um dia se resolve fazer a faxina e ela vem assim entre uma passada de pano e outra e o pó começa a levantar.É uma limpeza geral, muitas vezes curativas, suaves ou tempestivas, aí tudo são cheiros de flores ou não. Mas que da tumba sai um monte de coisas, sai.É catártico, pura metamorfose. bojkas

Carolina disse...

sentiu que tô meio goró, né? resquícios do findi...
Errata: é "...olhares e silêncios falantes.." e BjOkas. hehehe.
boa semana, Alezica

Histórias do Joaquim disse...

e tu acha que eu entendi alguma coisa? hahahahha. bj, nono

dafamília disse...

Fiquei um tanto curiosa já que se trata da mesma árvore genealógica, mas algo me diz lá no íntimo que é melhor eu não ficar sabendo de nada.