sábado, 17 de abril de 2010

MANTRA

Difícil controlar emoções quando se ama muito.
Difícil disfarçar decepção.
Difícil discernir o que é vida real e o que é novela.
Difícil ouvir respostas diferentes do que se quer ouvir.

Fácil ser feliz quando se tem o que mais importa nessa vida: amor.

Amo e sou amada. Isso é muito bom. O desafio é se contentar com isso.

4 comentários:

Carolina disse...

Pra variar estamos, sempre, em busca de mais, né? rs
O muito é pouco.
O pouco é sempre pouco.

bjps meus

Nonô disse...

sim ale, amor é tudo e eu quero, mas o medo de amar me deixa cagona. um saco.

ale disse...

É Carol, que coisa né? Pq a gente é tão complicada??

ale disse...

Nonô, tu é ótima! Bem direta! Bjocas